Notícias da Rede

11/10/2019 23:53
II Workshop de Gestão Universitária da Rede Nigs/UFSC
Evento acontecerá nos dias 26 e 27 de maio e contará com pesquisadoras, egressa/s do Nigs, de diferentes instituições brasileiras para refletirem sobre atividades e experiências de gestão, em vários enfoques, em instituições de pesquisa. 
Em breve mais notícias sobre o encontro!


Jornada Comemorativa NIGS 2023 : ETNOGRAFIAS E METODOLOGIAS FEMINISTAS
Em agosto de 2023, o Núcleo de Identidade de Gênero e Subjetividade (NIGS) realiza a Jornada NIGS em comemoração aos 32 anos do projetoEm comemoração aos seus 32 anos, o Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividade (NIGS) inicia a Jornada NIGS 2023 no dia 10 de agosto.O NIGS é um núcleo de pesquisa vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social e ao Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas, ambos da Universidade Federal de Santa Catarina.

As Jornadas acontecem anualmente, reunindo pesquisadores do núcleo e convidades em torno de um tema ou da obra de algum autor. Com o tema Etnografias e metodologias feministas, o evento tem como objetivo a integração entre a equipe atual de pesquisadoras em formação no NIGS e egressas da rede do núcleo.

Na quinta-feira, (10/08/2023), teremos três mesas (durante a tarde e a noite) para discutir as pesquisas em andamento no NIGS realizadas por graduantes, mestrandes e doutorandes.

Será um dia de intensos debates com foco em questões teórico-metodológicas coletivas. Neste ano, teremos conosco 10 professoras/es egresses do NIGS que atuam em várias universidades brasileiras e que estarão em Florianópolis (SC) para o workshop do projeto Universal CNPQ Politicas Publicas de Gênero e diversidades e seus impactos nas universidades brasileiras.

Confira a programação completa no link.


 

Rede LIESS em tempos de Pandemia: preparação do V CIEDSI (29/03, 27/04, 01/07, 29/09 e 26/11/2021)

A proposta compõe um  conjunto de atividades a serem realizadas durante o ano de 2021, em formato remoto, como   fortalecimento e manutenção da Rede LIESS (Laboratório Ibero-americano para el Estudio Socio Histórico de las Sexualidades (https://red-liess.org/)  e preparação do V CIEDSI ( Congresso Internacional de Estudos da Diversidade Sexual na Ibero América), a ser realizado na  Natal/RN no início de 2022. A proposta se justifica pela possibilidade de agrupar e fortalecer competências presentes por meio do diálogo entre diferentes grupos nacionais e internacionais, especificamente no que se refere a produção de conhecimento acerca do cruzamento de gênero e sexualidade com direitos humanos, educação e políticas públicas, parte da formação da rede LIESS, contemplando, portanto, o entendimento acerca da importância e significados da construção de Redes na produção científica.

Mais informações: aqui

1º Encontro BAFO: Moda e dissidências sexuais e de gênero (01 e 02/09/2021)

O projeto de extensão do Laboratório Afrodite/UFSC propõe a discussão sobre o vestir e a produção de moda por pessoas em suas dissidências sexuais e de gênero e as imbricações de raça, deficiência, classe, religião, entre outros marcadores sociais da diferença. Objetivo é realizar um evento online que incentive pesquisas sobre os temas de dissidências sexuais e de identidades de gênero e suas intersecções em relação com as modas, colaborando com a construção coletiva do conhecimento a respeito das possibilidades das modas e dos vestires enquanto existência e resistência nas rachaduras, nas margens e nas periferias do capitalismo, do sistema hegemônico de gênero e sexualidade e do sistema de moda.

Mais informações: aqui

I Simpósio de Sexualidades, Gênero e Diversidades (19-21-23-25 e 26/ 06/2021)

Evento que comemora o primeiro ano do Laboratório AFRODITE/UFSC.

Para assistir os debates, acesse: aqui

Gênero, Sexualidades e suas Interseccionalidades: uma série de atividades on-line multi-redes e multi-projetos – Congresso Virtual da UFBA 2021 (22/02 a 26/02/2021)

Série de atividades realizadas por diferentes redes e grupos de pesquisa em torno dos temas de gênero e sexualidades

Mais informações e vídeos das atividades: aqui


Equipe do NIGS esteve presente nas Jornadas Antropológicas PPGAS/UFSC 2019

Ateliê de Pesquisa Gênero, sexualidade, corporalidade e mediações tecnológicas.

As Jornadas Antropológicas é um evento bianual organizado por estudantes do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da UFSC. Esse ano o tema escolhido foi Antropologia, vidas em ebulição e mundos em ruínas, que tinha como proposta trazer reflexões sobre a atual conjuntura.

O evento ocorreu nos dias 9, 10 e 11 de outubro de 2019, em que tivemos a participação da equipe do NIGS apresentando suas pesquisas.

A coordenadora do NIGS, a professora Miriam Grossi, esteve na mesa redonda Profissionalização do antropólogo e antropóloga em tempos de crise democrática: da regulamentação a atuação juntamente com Janaína Campos Lobo, Henyo Trindade Barretto Filho e Patrícia Martins.

A equipe NIGS esteve também presente nos ateliês de pesquisas.

Ateliê de pesquisa Gênero, Antropologia e políticas públicas.

No ateliê Escrita negra ou “escreviência” pode o negro escrever?, contou com as apresentações:
  •  Representação, Consciência e Resistência: trajetória de estudantes Negras no Ensino Médio,  por  Giovanna Barros Gomes;
  •  Re-existências: notas de uma Antropóloga Negra em meio a um concurso público para o cargo de magistério superior, por Alexandra E. V. Alencar.
O ateliê Gênero e Antropologia do Estado e das Políticas Públicas contou com as apresentações:
  • Dinamizando estudantes- Reflexões sobre as Oficinas Temáticas do Projeto de Extensão Papo Sério de Guilherme Borges Laus;
  • Para além do Papo Sério: análise dos impactos das oficinas de gênero e sexualidade para estudantes e egressas da equipe apresentado por Alexandra Alencar, Gabriela Pedroni, Laura Gelpi e Leonardo de Miranda Ramos;
  • Ações da plataforma Observatório Brasil da Igualdade de Gênero por Giovanna Barros Gomes; e
  • Cores da violência: criminalização , punição e Estado apresentado por Alexandra E. V Alencar em parceria om Charles Raimundo da Silva.

Saiba mais sobre o evento no  link